Notícia em destaque

Novos Sistemas Redesim diminuem o tempo de abertura das empresas

Brasília -  Já está disponível, no portal da Rede Nacional para Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (Redesim), uma consulta à base  do Cadastro Nacional  de Pessoa Jurídica (CNPJ)  que pode ser feita por nome empresarial, nome fantasia, UF e situação cadastral.

CFC credencia mais de 250 novos cursos para o Programa de Educação Profissional Continuada

Atualizar e expandir os conhecimentos e as competências técnicas e profissionais. Essa é a premissa do Programa de Educação Profissional Continuada (EPC), mantido pelo Conselho Federal de Contabilidade (CFC), desde 2003.


Em reunião realizada recentemente na sede do CFC, em Brasília (DF), a Comissão de Educação Profissional Continuada (EPC) credenciou 250 novos cursos de EPC e 38 novas capacitadoras.

São consideradas capacitadoras, as entidades credenciadas nos Conselhos Regionais de Contabilidade (CRCs) que promovem atividades de Educação Profissional Continuada, de acordo com a NBC PG 12 R3. Atuam como capacitadoras o CFC, a Fundação Brasileira de Contabilidade (FBC), a Academia Brasileira de Ciências Contábeis (Abracicon), o Instituto de Auditores Independentes do Brasil (Ibracon) e as Instituições de Ensino Superior (IES), credenciadas pelo Ministério da Educação (MEC).

Para a vice-presidente de Desenvolvimento Profissional, Lucélia Lecheta, “esses novos credenciamentos representam maior oferta de treinamentos e capacitação em todos os cantos do País”. Segundo dados da Vice-Presidência, existem, atualmente, mais de 4.800 cursos de EPC e mais de 700 capacitadoras no País.

Para cumprir o Programa, o profissional deve atingir, segundo a NBC PG 12, no mínimo, 40 pontos de EPC por ano. Os 40 pontos podem ser obtidos de várias formas: lecionando, participando de treinamentos, orientando trabalhos científicos, publicando artigos, participando de congressos, conferências ou seminários e, ainda, por meio de cursos (até mesmo de pós-graduações) presenciais ou não.

O contador Felipe Gonçalves Bastos, de Brasília (DF), está inscrito no Cadastro Nacional de Auditores Independentes (CNAI), desde 2013. Mesmo não atuando como auditor, o profissional presta contas ao Programa. “Como faço parte do CNAI, acredito que, futuramente, possa aparecer alguma colocação no mercado de trabalho”, comenta. Dados do da Vice-Presidência de Registro do CFC apontam que há, atualmente, mais de 3.500 profissionais inscritos no CNAI.

Sobre as exigências para o cumprimento dos 40 pontos, o contador Felipe Bastos disse que não teve dificuldades para cumprir o que determina a norma, mesmo porque “há muitos cursos que oferecem a pontuação, inclusive os de EAD”.

Sobre os cursos de EAD, Lucélia Lecheta vê como forma positiva esse método de avaliação. “Em um País como o nosso, o EAD ajuda muito porque há lugares distantes com dificuldade de cursos presenciais. Temos que aliar o nosso conhecimento com essa nova tecnologia”, argumenta Lucélia.

Na reunião da Comissão, foram analisados e julgados 103 processos e discutidos pontos para a atualização da NBC PG 12 (R3), mudanças na pontuação das atividades e liberação das certidões de regularidade para o dia 30 de abril de 2018.

A vice-presidente esclarece que a certidão de regularidade é o documento que declara o cumprimento, ou não, do EPC. De acordo com a NBC PG 12 (R3), os CRCs têm até 30/4/2018 para disponibilizar as certidões de regularidade aos profissionais que prestaram contas para o Programa. Para acesso à certidão, o profissional deverá procurar o CRC de sua jurisdição.

Para ler a NBC PG 12 (R3) na íntegra, clique aqui

Bate-papo com Lucélia Lecheta

A vice-presidente Lucélia é coordenadora da Comissão do Programa de Educação Profissional Continuada. Confira abaixo, neste rápido bate-papo, o que ela pensa sobre o trabalho a ser realizado pela Comissão.

1) Quais são as suas expectativas à frente da Comissão do Programa de Educação Profissional Continuada? Quais são as novas diretrizes?

Lucélia Lecheta – O Programa de Educação profissional Continuada do CFC está bastante consolidado e vem merecendo atenção das gestões anteriores. Mas o mundo evolui muito rapidamente e é preciso acompanhar essa evolução. Desta forma, já iniciamos os estudos para atualizar a norma para esse exercício. As diretrizes vão primar, cada vez mais, pela qualidade dos cursos e oportunizar a EPC para um número maior de profissionais.

2) Foram credenciados mais 250 novos cursos para o Programa. O que representa, na prática, para os profissionais, esses credenciamentos?

Lucélia Lecheta – Maior oferta de treinamento e capacitação em todos os cantos do Brasil. Além disso, toda a grade desses treinamentos, inclusive a avaliação dos professores e palestrantes, é feita com muito cuidado pela Comissão, que prima constantemente pela qualidade dos serviços.

3) Qual é a sua expectativa sobre a análise de processos pela Comissão, neste ano, visto que, até o momento, foram analisados 103 processos para o julgamento de cursos, eventos e atividades profissionais?

Lucélia Lecheta – Muito trabalho e trabalho bem feito! No ano passado, foram julgados 579 processos. A nossa meta é que, neste ano, sejam julgados mais de 600.

POR FABRÍCIO SANTOS
COMUNICAÇÃO CFC

Comentários

Site desenvolvido e mantido por:

Clique aqui e crie seu Site ou Loja Vitual sem compromisso :: comercial@vendavirtual.site / WhatsApp (85)9.9630.6190 :: www.vendavirtual.site :: 08.174.771/0001-07