Notícia em destaque

Novos Sistemas Redesim diminuem o tempo de abertura das empresas

Brasília -  Já está disponível, no portal da Rede Nacional para Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (Redesim), uma consulta à base  do Cadastro Nacional  de Pessoa Jurídica (CNPJ)  que pode ser feita por nome empresarial, nome fantasia, UF e situação cadastral.

Por que contadores não podem ignorar seu cliente mais importante: seu próprio negócio

Para contabilistas e contadores, um novo ano significa o início de uma temporada com muitas ocupações. Porém, na agitação para ajudar os clientes a organizarem os seus negócios financeiros, é fácil se esquecer do próprio negócio. Mesmo que a agenda esteja bastante atribulada, é importante encontrar tempo para planejar o futuro e pensar em como você expandirá os seus negócios. Afinal, sua empresa talvez seja o cliente mais importante que você não pode ignorar.


Felizmente, existem muitas ferramentas e estratégias que tornarão o crescimento do seu negócio mais eficaz – sem gastar muito do seu tempo. Abaixo estão três coisas que devem estar na lista de verificação de todos os profissionais de contabilidade neste ano.

Apps para acabar com a falta de comunicação
Qualquer líder empresarial dirá que o sucesso depende de uma comunicação sólida – tanto internamente com os colegas quanto externamente para os clientes. Na Contabilidade não é diferente. Uma série de novos aplicativos de comunicação tornam mais fácil às empresas de contabilidade decifrar os códigos da comunicação.

Serviços como o TeamWork, o Karbon e o Jetpack Workflow estão ganhando popularidade entre os contadores que querem ficar atento aos prazos e aos projetos com os colegas, a uma maior rapidez nas contratações e até mesmo às melhorias na comunicação com os clientes. Essas ferramentas são uma ótima maneira de gerenciar fluxo de trabalho e os projetos internos – além de permitir o contato com os clientes sobre os prazos financeiros dos quais eles precisam estar cientes, o que pode significar mais negócios para a sua empresa.

Ferramentas de automação para desmistificar o marketing
Acha que o marketing não faz parte do seu trabalho como contador ou contabilista? Pense de novo. Claro, você lida com números e finanças, mas não subestime o significado do marketing. Recomendações boca-a-boca só levarão o seu negócio até um certo ponto. Se você quiser crescer ou se proteger de fontes que podem secar, seja esperto e divulgue os seus conhecimentos para novos clientes.

A boa notícia e que as ferramentas de automação facilitam até mesmo a menor das empresas a comercializar os seus negócios. Essas ferramentas podem ajudá-lo a alcançar novos clientes (e manter contato com os existentes) por meio de e-mail, mídias sociais ou do seu próprio site. Administrar o seu próprio negócio de contabilidade é muito trabalhoso, mas os recursos de marketing permitem que até mesmo os profissionais de contabilidade mais ocupados arranjem tempo para comercializar seus próprios negócios com pouco esforço.

Valor baseado em preços
No mundo da contabilidade, a estrutura de preços padrão é cobrada com base em uma taxa horária pré-definida. Isso muitas vezes subestima o valor dos serviços que você oferece aos clientes. Insira preços baseados em valores ou que permitam definir preços com base no valor do serviço, em vez da sua taxa por hora.

O preço baseado em valor talvez seja a maior ferramenta à disposição dos contadores para expandir os seus negócios. Ele remove o teto da receita com o faturamento por hora, independentemente da sua taxa, porque há um número limitado de horas no dia.

O modelo não é cobrar mais: trata-se de criar uma parceria com os clientes, que podem selecionar a melhor opção para os seus negócios. Por exemplo: se uma empresa precisa impreterivelmente que os seus livros sejam feitos em 30 dias para evitar ações legais, é provável que a empresa pague uma bonificação por esse serviço. E as contas são pagas de forma justa para projetos com parâmetros definidos.

Esse modelo também permite que os contabilistas tomem decisões sobre quais clientes aceitar e até quais clientes evitar. Uma empresa que simplesmente quer o balanço dos seus livros pelo preço mais barato possível pode ser um cliente passível de ser dispensado. Embora o preço com base no valor não seja o mais adequado para todas as empresas de contabilidade, ele pode ajudar você a quantificar de forma mais justa (e receber o pagamento) pelo valor da sua experiência.

Texto escrito originalmente por Jaime Rein para o blog Sage Advice

Comentários

Site desenvolvido e mantido por:

Clique aqui e crie seu Site ou Loja Vitual sem compromisso :: comercial@vendavirtual.site / WhatsApp (85)9.9630.6190 :: www.vendavirtual.site :: 08.174.771/0001-07